quarta-feira, 31 de março de 2010 / Marcadores: ,

Spoleto indica pratos para a Páscoa

Saladas e Spaghetti ao Perfume do Mar são as opções para quem não come carne na Semana Santa

A Páscoa é uma das datas mais importantes do calendário da Cristandade por retratar a Ressurreição de Jesus Cristo. Nessa época, muitos fiéis seguem os costumes e se privam de ingerir qualquer tipo de carne vermelha. É pensando na necessidade desses clientes, que o Spoleto, maior rede de culinária italiana do país, dá a dica de Saladas e o típico Spaghetti ao perfume do mar.

As saladas da rede Spoleto trazem um leque de combinações de folhas, como alface crespa, roxa e americana, rúcula e radicchio. As saladas podem ainda ser combinadas com alguns tipos de massas, como penne, fusilli integrale ou farfalle, que possuem valor calórico menor que as demais. Para temperá-las, a rede de culinária oferece molhos sem glúten, preparados com temperos suaves, como mel e mostarda light e caesar.

Ceia em família
Na Semana Santa, os frutos do mar viram preferência da população. Com o objetivo de ampliar o cardápio dos almoços caseiros no feriado, o chef e diretor de qualidade do Spoleto, Gianni Carboni, criou o “Spaghetti ao perfume do mar”. A receita, que conta com ingredientes como camarão, salmão, salsinha, alho poró, tomate e cebolinha, não consta no cardápio fixo da rede, mas vale como boa sugestão para ser preparado na hora, à maneira Spoleto, e também é bem fácil de ser preparada em casa. Bom apetite!

Ingredientes:
25g de azeite
25g de alho
25g de alho poró
25g de tomate
25g de camarão
25g de salmão
25g de kani
25g de salsinha
25g de cebolinha

Molho:
Rosé (metade tomate e metade bechamel)

Preparação dos molhos:

Molho tomate:
Refogue aipo, cenoura e cebola picados fininhos em azeite (100g de cada verdura e 50 ml azeite). Quando estiver bem refogado, acrescente 1kg de tomates pelados amassados na mão e deixe ferver por aproximadamente 15 minutos em fogo médio. Tempere com sal e pimenta do reino a gosto.

Molho bechamel:
Refogue 100g de manteiga com 100g de farinha de trigo, acrescente 1,5l de leite frio e deixe ferver mexendo em continuação para não formar bolotas. Tempere com sal, pimenta do reino e noz moscada a gosto.

Modo de preparo da receita:
Coloque 25ml de azeite na frigideira, em fogo médio e, em seguida, coloque os ingredientes na seguinte ordem:

Alho, alho poró, cebolinha, camarão, salmão, kani, tomate e salsinha. Depois, acrescente o molho e refogue rapidamente durante 3 minutos. Para finalizar acrescente a massa escorrida e sirva.

comentários (72) / Leia Mais

terça-feira, 16 de março de 2010 / Marcadores: ,

Dalí Cocina: Culinária mediterrânea com toque de regionalismo

O prazer da alta gastronomia em um cardápio saudável e nutritivo

Com inspiração no surrealismo de Salvador Dalí, o Dalí Cocina, localizado no bairro do Derby, traz para o Recife sofisticação e originalidade do sabor mediterrâneo e contemporâneo. Uma culinária saudável e nutritiva, à base de frutos do mar, peixes e legumes. O ambiente discreto e aconchegante, seja para uma refeição a dois, almoço de negócios ou happy hour com amigos que gostam de curtir uma boa comida.

Com capacidade para 34 pessoas, o bistrô mescla o design contemporâneo com o ambiente aconchegante das tradicionais casas européias. As cores vivas com iluminação pontual dão charme e a sensação de intimismo. O Dalí abre de segunda a sábado, das 11h às 23h e no domingo das 11h às 18h. Já na sexta-feira, o Dalí oferece um cardápio especial para o Happy Hour, das 18h às 23h.

Como carro chefe da casa, a típica Paella espanhola (R$ 45, para duas pessoas), arroz com frutos do mar cozidos no caldo de peixe pernambucano utilizando o verdadeiro açafrão espanhol. Já para quem prefere carne, o Chef Adônis Porciúncula indica o ‘Fileto com alecrim ao molho de wasabi’ (R$ 25). Nele, o filé é grelhado com azeite de alecrim napado com molho de raiz forte (usado na culinária japonesa) diluído no molho demi-glace.

Já para os apaixonados por peixe, as opções podem ser a ‘Pescada ao gratin de siri’ (R$ 28), onde a pescada amarela é coberta com camada de siri ao açafrão e gratinada no forno. Ou o ‘Salmão ao molho de uva’ (R$ 27), salmão grelhado no azeite ao molho de uvas verdes puxado na manteiga e creme de leite fresco. Outra boa opção é o ‘Frango recheado de tomate seco e rúcula’ (R$ 22) que é assado no forno ao molho de gorgonzola. Além do ‘Camarão ao fondue de queijo’, que traz com camarão refogado no azeite acompanhado de molho bechamel e queijos nobres.

Entre as entradas o destaque fica com a ‘Salada Ceviche’ (R$18), salada quente de camarão, pescada ou salmão servido sobre bouquet de folhas e legumes refogados. E o ‘Gratin de frutos do mar com espuma de coentro’ (R$15), camadas de purê de mandioquinha, frutos do mar refogados em vinho branco e purê de batatas maçaricados com queijo mussarela, guarnecido de espuma de coentro. Já entre as sobremesas o ‘Emoldurado de coco’ (R$ 8), receita da casa à base de leite condensado e coco ralado, acompanhado de sorvete.

COOK & CHILL - Utilizando as mais novas tecnologias da área e levando o pronto atendimento com qualidade a serio, o Dalí investe no método Cook & Chill. Com a utilização de um forno combinado e resfriador rápido, o chef consegue cozer (cook) e resfriar (chill) alimentos dentro de rigorosos métodos de controle de temperatura. Com isto é possível produzir refeições para consumo futuro com características, consistência, valores nutricionais e sabor idênticos aos preparados na hora.

Com a utilização do sistema, quando a temperatura é reduzida imediatamente a perda de peso baixa 10% para 3%, o período de envelhecimento é retardado e não há desidratação porque a umidade natural não evapora. Todas essas características trazem flexibilidade para a linha de produção, que pode ser planejada de maneira a deixar mais tempo livre para equipamentos que podem ser utilizados nos momentos de "pico" no reaquecimento e finalização de pratos mais elaborados. Os métodos de trabalho no cozer/resfriar permitem maior ganho, melhor organização das horas de trabalho, aumento da qualidade do produto, redução de resíduos e desperdícios.

DELIVERY - O Dalí Cocina também traz para o Recife o conceito do delivery com sabor oferecido diariamente com a opção de pratos por quilo e taxas entre R$3 e R$5. Os pratos preparados especialmente para entrega estão a ‘Moqueca de Bacalhau’ (R$ 40 o Kg), Bacalhau à Braz tradicional (R$ 40 o Kg), Filé a Parmegiana (R$ 29,90 o Kg), além da Paella (R$45 o Kg). O melhor da culinária mediterrânea, com todo o conforto e praticidade.



Serviço:
Dalí Cocina
Rua Feliciano Gomes, 172, Derby
Delivery – 32314759
www.dalicocina.com.br

comentários (2) / Leia Mais

sábado, 27 de fevereiro de 2010 / Marcadores: ,

Carneiro's leva regionalidade a Conselheiro Aguiar


O restaurante, que funciona há dois anos, no Pina, inaugura na próxima semana sua primeira filial, recheada de feijoada, carneiro e camarão

A avenida Conselheiro Aguiar ganha na próxima semana novo restaurante, a primeira filial do Carneiro's Bar e Restaurante, que já existe há dois anos, no Pina. Segundo o chef Iggor Leonardo e o administrador Marcos Rodrigues, sócios do empreendimento, a ideia é levar a comida regional para uma das avenidas mais recheadas de estabelecimentos gastronômicos do Recife, mas com um toque de frutos-do-mar.

A tradicional feijoada é um dos destaques da nova casa, será servida todos os dias e pretende ser o novo point para os amantes do maior símbolo da gastronomia brasileira. O prato é elaborado com mais de 15 ingredientes, entre eles: pé de porco, orelha de porco, calabresa, linguiça mista, bacon, charque, costelinha, paio e carne bovina, acompanhado de arroz e couve-flor puxada no bacon. Seguindo a regionalidade, o cozido também ganha espaço no cardápio, vai ser servido as quintas-feiras e aos domingos.

Outro diferencial e novidade do Carneiro's da Conselheiro Aguiar, é o camarão fresco, que vem diretamente dos barcos de pesca, conta Iggor Leonardo. Serão 15 pratos no cardápio montados com a iguaria, como o Camarão na cerveja, o Camarão na cachaça, o Camarão na moranga e o tradicional ao Camarão ao alho e Óleo, o Camarão molho de manga, o Peixe ao molho de camarão e o inédito Camarão ao Chaomu. Com criação dos chefs Iggor Leonardo e Débora Costa, esse último é feito com camarão empanado crocante, com molho ao Chaomu, uma homenagem ao chef Chamou.

Além disso, o 'Pernil de carneiro com ervas especial', 'Filé de bode na chapa', 'Bode guizado na telha', 'Rabada ao vinho', 'Carne de sol', 'Sarapatel' e 'Buchadinha com pirão', completam as especialidades da casa. O novo Carneiro's conta ainda com diversos petiscos, como o 'Caldinho Carneiro's', feito com bode e rabada ao vinho. No quesito sobremesa, são várias opções de doces caseiros tradicionais, como 'Doce de leite', 'Doce de mamão com coco', 'Queijo coalho com mel' e 'Cartola com sorvete'.

AMBIENTE - A filial do Carneiro's contará, inicialmente, com 60 meses e duas áreas, interna e externa. Dentro, será climatizado, com quadros pintados a mão em telas e louças pela artista plástica Rosa Alvarez, que se inspirou no Bairro de Boa Viagem dos anos 80 “ as peças estarão a venda. Já do lado de fora, a decoração regional será o grande atrativo visual.


Exibir mapa ampliado

Serviço
CARNEIRO'S BAR E RESTAURANTE (da Conselheiro Aguiar)
Local: Avenida Conselheiro Aguiar, n°75, Boa Viagem - Recife
Horário de funcionamento: a partir das 11h até o último cliente, todos os dias.
Formas de pagamento: dinheiro, cartão (Visa, Visa Electron, Diners e Mastercard) e Ticket Refeição
Informações: (81) 3465-3579

comentários (1) / Leia Mais

/ Marcadores: ,

La Bonna Pizzaria mais uma opção de Recife


A La Bonna Pizzaria oferece uma deliciosa pizza feita em forno à lenha com bordas e recheios especiais. Promoção de pizzas de segunda a quinta, calabresa ou mussarela por R$ 11,90 e almoços executivos, a partir de R$ 7,90.

Oferecemos também massas, risotos, saladas, petiscos e muito mais.
Sendo nosso ambiente totalmente climatizado e localizado num dos melhores pontos de Boa Viagem. Fazemos entrega em domicilio.


Exibir mapa ampliado

Serviço:
La Bonna Pizzaria
Av. Conselheiro Aguiar nº 539
Delivery: 3212-3700

comentários (9) / Leia Mais

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010 / Marcadores: , ,

A tradição do Restaurante Macunaíma agora em Boa Viagem

Seguindo a tradição que existe a 19 anos no bairro das Graças, o Restaurante e Pizzaria Macunaíma abriu as portas em mais um ponto estratégico no bairro de Boa Viagem. O antigo Bar e Restaurante Jardins abriga agora mais uma franquia do Macunaíma. O time de sucesso liderado por João Lira e seus filhos Bruno e Thiago Macedo estrearam desde o final do Carnaval deste ano a nova proposta.

O investimento chegou a R$ 500 mil só na reforma do ambiente, já a decoração foi toda projetada em branco e tons de verde. As paredes exibem jardineiras e as janelas foram substituídas por molduras de madeira e nas pilastras as jardineiras de vidro são cobertas por folhas secas.

O grande sucesso do restaurante é o rodízio de massas, pizzas e crepes, porém não excluíram o que já existia na casa que era self-service, dando mais uma opção ao cliente. No rodízio pode-se escolher entre 40 opções de crepes assinados pelo chef Israel Silva ou ainda entre 60 variedades de pizzas que é comandado pelo famoso Pizzaiolo Nemias, que trabalhou muito tempo na Pizzaria Barrazzone.

Já no almoço o Chef Petrônio Alves caprichou no cardápio, pode-se sentir ao entrar no estabelecimento o cheirinho da comida Japonesa que é feita na hora por um sushiman que atende de acordo com o gosto do cliente. Entre as opções de destaque para esse horário sagrado encontramos guloseimas de dar água na boca como, folheado de peru, banana empanada, torta francesa de cebola e diversas combinações de saladas. Os crustáceos e a mesa de queijo tão um toque a mais para as iguarias que o lugar apresenta, isso claro sem falar nas sobremesas onde encontramos tortas, pudins e mousses.

A estrutura do Macunaíma de Boa Viagem também está preparada para a Copa do Mundo de 2010, onde telões irão transmitir os jogos para os clientes. Enquanto a Copa não chega o lugar torna ainda mais aconchegante exibindo clipes e grandes shows. O empresário João Lira realmente caprichou.


Exibir mapa ampliado

Serviço:
Restaurante e Chopparia Macunaíma
Av. Eng Domingos Ferreira, 2045 - Recife
Contato: 81.3325.0678

Por Luciana Rodrigues
Siga o Espalha Fato no Twitter: http://twitter.com/espalhafato

comentários (35) / Leia Mais

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009 / Marcadores: , , ,

Spoleto indica saladas para o verão

Apesar da opção por uma alimentação light e menos calórica não se restringir somente às estações mais quentes do ano, no verão o consumo por folhas aumenta consideravelmente. A rede de culinária italiana Spoleto oferece várias opções de saladas a fim de reforçar seu cardápio mais saudável para a chegada do verão.

Menu de Saladas

O cardápio do Spoleto é composto por saladas de folhas verdes (mix de alface crespa, roxa e americana, rúcula e radicchio), que podem ser complementadas por proteínas (polpettones, frango dourado ou peito de peru) ou por massas (penne, fusilli integrale ou farfalle) e ainda levam de quatro a oito ingredientes de sua preferência.

Há também a opção de combiná-las com carpaccio de carne. Para temperar as saladas, a rede de culinária oferece molhos sem glúten, preparados com temperos suaves, como mel e mostarda light e caesar.

Algumas sugestões

Salada grande com Frango (mix de folhas, frango, brócolis, cenoura, ervilha, palmito, tomate, tomate seco e cebolinha) + Tiras de peito de frango temperado por cima da salada (ainda com opção extra de frango dourado).

Salada de massa com fusilli integrale (mix de folhas, fusilli integrale, berinjela, champignon, tomate, cenoura, brócolis, palmito, milho verde e espinafre com molho de mel e mostarda), ainda com opção extra de frango dourado.

Como montar sua salada no Spoleto

Salada pequena e grande: mix de folhas, até 4 ou 8 ingredientes e um molho

Salada de Massa (com ou sem peito de frango e peito de peru cozido): mix de folhas, uma massa seca (penne, farfalle ou fusilli), até 8 ingredientes e um molho de salada.

Combinados

Carpaccio de Carne: mix de folhas, carpaccio, até 8 ingredientes e um molho de salada

Polpettone de carne, frango ou peito de peru: salada pequena, polpettone, até 4 ingredientes e molho para a salada, e molho para o polpettone

- Ingredientes (34): kani, salmão, atum, bacon, salame, lingüiça calabresa, ovo de codorna, gorgonzola, mussarela, passas, berinjela, abobrinha, espinafre, brócolis, ervilha, milho, tomate seco, palmito, alho poró etc.
- Molhos: Mel e Mostarda Light, Italiano Light (tipo vinagrete), Rosé, Spoleto e Caesar
- Massas: penne, farfalle e fusilli tradicional ou integral
- Temperos: curry, orégano, pimenta calabresa, alho, cebola, cebolinha, salsa e manjericão.

Serviço:
Spoleto Paço Alfândega
Endereço: Rua da Alfândega, 35 loja 314
Tel: (81) 3419-7640 / 3419-7641

Spoleto Shopping Center Recife
Endereço: Rua Padre Carapuceiro, 777 Loja PC 192 - Boa Viagem
Tel: (81) 3326-6394 / 3465-3298

comentários (1) / Leia Mais

/ Marcadores: , , ,

Costelinha com molho de mel e pimenta é especialidade do Botecaria

Uma costelinha macia e saborosa, de dar água na boca, é a especialidade do Botecaria Bar e Restaurante. O petisco, que acompanha um molho especial à base de mel com pimenta, está fazendo sucesso entre os clientes e se consolidando como carro-chefe da casa. O segredo está na forma de preparo, o que garante um tira-gosto simplesmente delicioso, ideal para acompanhar aquela cerveja estupidamente gelada numa roda de amigos. A porção com 4 costelinhas serve bem duas pessoas e o preço é bastante acessível: R$ 11,90. O molho, que vem à parte, dá o toque final e realça ainda mais o sabor da carne. O resultado agrada bastante aos olhos e ao paladar. Difícil é resistir.


A Costelinha Botecaria é feita com tenros pedaços de costela suína, marinada por 12 horas no vinho branco com ervas, envolvida em papel alumínio e assada na brasa. Então, está pronta para servir. A ideia de fazer uma costelinha especial partiu dos sócios Cláudio Silva e Fábio Azevedo, amigos e boêmios que resolveram unir experiências anteriores e montar o próprio negócio. “Eu costumava frequentar diversos locais da cidade e pedia costelinha, que gosto bastante. Mas a qualidade deixava muito a desejar. Criamos o bar pensando em fazer da costelinha o nosso diferencial e a aceitação tem sido ótima pelos clientes. É muito saborosa, derrete mesmo na boca”, garante Cláudio, cuja família se dedica há quase quatro décadas ao ramo da culinária.


No quesito bar, além da Costelinha, o Botecaria oferece várias outras delícias, como a Bistequinha. São duas bistecas preparadas ao molho de ervas com vinho tinto e assadas na brasa. Para acompanhar, vinagrete e farofa. Ideal para duas pessoas, ao preço de R$ 9,90. Mas ainda há espaço para os petiscos tradicionais de boteco: arrumadinho de carne de sol/charque e filé com fritas, entre outros. No cardápio do almoço, carne de sol, costelinha, filés ao molho madeira, parmegiana e de peixe, picanha, camarão, frango e espaguete.


Localizado no bairro da Boa Vista, pertinho da Unicap, o Botecaria é o único da área que oferece pratos executivos, com preços que variam de R$ 6,90 a R$ 12,90. Destaque para o Filé à Parmegiana e para a Carne de Panela da Vovó, feita com temperos tipicamente regionais. O estabelecimento é a prova de que é possível almoçar bem próximo do Centro, gastando pouco e num local agradável.


Climatizado, o bar e restaurante conta com espaço para 200 pessoas, telão e TV de 42 polegadas. Abre para confraternizações diversas e realiza transmissão de jogos. Às sextas-feiras, tem apresentação de bandas locais, o que tem atraído muita gente para o Botecaria. “Começamos com samba de roda, mas nossa proposta é diversificar o som, variando os repertórios a cada semana, para agradar todos os públicos”, explica o empresário Fábio Azevedo.

SERVIÇO:

Botecaria Bar e Restaurante
Rua Almeida Cunha, 95 – Boa Vista.
Horário: Segunda a Quinta, das 11h às 23h. Sextas: das 11h às 2h.
Fone: 3423-2290


comentários (2) / Leia Mais

quarta-feira, 21 de outubro de 2009 / Marcadores:

Nirai é o mais novo oriental da Zona Norte do Recife

Uma parede discreta, na rua das Creoulas, no bairro das Graças, Zona Norte do Recife, esconde uma grata surpresa. Os clientes que antes frequentavam apenas o Macunaíma agora ganham uma espécie de complexo gastronômico praticamente no mesmo endereço. Dividindo o estacionamento com a tradicional casa de pizzas e massas, inaugura nesta quarta-feira (21), já na hora do almoço, o mais novo restaurante oriental da cidade, o restaurante Nirai (que em japonês significa prosperidade, persistência).

Os sócios, Thiago e Bruno Macêdo - também proprietários do Jardins, investiram em uma estrutra de aproximadamente 400 metros quadrados, para receber confortavelmente 180 pessoas, em dois andares.

A proposta do lugar é oferecer um buffet de qualidade, com o mesmo nível de um serviço à la carte. "Além de se servir com os pratos do buffet, o cliente também pode optar pelo menu do cardápio, tudo por R$ 22,90 no almoço e R$ 26,90 no jantar", afirma Bruno. Os valores mudam aos sábados, domingos e feriados, quando almoço e jantar custam R$ 26,90.

Os temakis, por exemplo, são preparados na hora. As algas usadas no preparo são trazidas de São Paulo. "Optamos por usar as algas crocantes, que são bem mais caras, mas garantem mais qualidade, não deixando o temaki com aquele aspecto borrachudo", explicou Bruno. Uma das delícias preparadas pelo chef Édson Feliciano, ex-Quina do Futuro, é o Ebi especial, sushi de salmão e camarão, com cream chesse maçaricado. O salmão brûlée, com óleo de gergelim e shoyo especial, também é preparado na hora.

O projeto da casa, todo em tons madeira, foi elaborado pelos arquitetos Humberto e Analice Zírpoli.

Fonte JC Online

comentários (3) / Leia Mais

terça-feira, 22 de setembro de 2009 / Marcadores:

New Misty

A Misty foi a primeira boate gay recifense a despertar curiosidade dos mais "descolados" da cidade, reunindo todo tipo de gente, sem distinção.

Tocando grandes hits dos anos 80 (New Order, Bauhaus, Joy Division), o club teve dois grandes momentos: entre 1979 e 1983, na Rua do Riachuelo, e depois seguiu para a Rua das Ninfas, onde funcionou por uma década, até 1993.

Em março de 2009, a casa voltou com ares renovados e promete virar point do público LGBT novamente, só que dessa vez no bairro de Boa Viagem.

A programação vai de quinta a sábado, passando por diferentes vertentes eletrônicas e no domingo, promove um revival aos velhos tempos da antiga casa.






Como chegar:


Exibir mapa ampliado

Serviço:
Endereço: Av. Conselheiro Aguiar, 793, Boa Viagem - Recife-PE
Fone: (81) 3325-5870
Horário de funcionamento: quinta a sábado, a partir das 23h. Domingos, a partir das 20h.
E-mail: e-mail@newmisty.com.br
www.newmisty.com.br

Fonte: Recife Convention & Visitors Bureau
Fotos: New Misty Divulgação

comentários (2) / Leia Mais

segunda-feira, 17 de agosto de 2009 / Marcadores: ,

Jovens voltam a frequentar o Mercado da Boa Vista

Considerado o mais novo ponto de encontro dos jovens e de famílias

Você sabia que além de escravos, roupas, alimentos, produtos de limpeza e de higiene pessoal eram vendidos em mercados públicos ao ar livre, espalhados nos principais bairros do Recife no século passado? E que esses locais eram frequentados por todas as classes sociais que se encontravam para se conhecer e jogar conversa fora? Até hoje herdamos tais costumes, mas de maneira ou em lugares diferentes.

É verdade. Sendo que muitos anos se passaram, nossas atitudes e costumes mudaram, mas até hoje carregamos essa herança cultural, sendo que de uma maneira bem diferente e inovadora até porque os tempos são outros. Hoje já não existe escravidão em nosso País, vários centros comerciais, shoppings cheios de luxo e sofisticação foram criados, sem falar da tecnologia, isto é, da internet que trouxe mais comodidade e segurança para quem deseja comprar alguma coisa e fazer novos amigos sem sair de casa.

Contudo, nos últimos anos os mercados populares do Grande Recife, têm voltado a serem locais bem movimentados e frequentados novamente. Um exemplo é o Mercado da Boa Vista, localizado no centro da cidade, hoje é considerado o mais novo ponto de encontro dos jovens e de famílias da Região Metropolitana do Recife, que procuram um local seguro e agradável para reunir os amigos, bater um papel agradável, se divertir, fazer novas amizades, paquerar e o principal degustar as delícias da culinária regional.

Segundo Tereza Cristina, 40 anos, proprietária do Box 25 – Buchada’s bar há 20 anos - hoje o mercado tem voltado a ser um local bastante frequentado. “É impressionante, o público tem voltado a frequentar o mercado da Boa Vista, não apenas para comprar mercadorias, mas para conversar, trazer a família e até mesmo para fazer novos amigos”, afirmou a proprietária do Buchada’s Bar. E quem confirma é o advogado Alberto Agenor, 53 anos, e cliente cativo de dona Tereza Cristina, há 15 anos. “O Mercado da Boa Vista, é um ponto de convergência que valoriza a nossa cultura, um lugar que famílias, jovens, estudantes e os boêmios podem frequentar com a maior segurança. Às vezes até brinco é uma extensão da minha casa, porque aqui além de trazer a minha família para almoçar nos finais de semana, várias vezes durante a semana, venho tomar meu café da manhã ou almoçar aqui”, disse o advogado.

A proprietária Tereza Cristina, ainda destacou que o mercado voltou a ser um lugar procurado pelos jovens que procuram seu Box para comemorar seu aniversário, fazer confraternizações em gerais e que houve um resgate de identidade da cultura regional. “Tenho vários tipos de clientes, conseguimos resgatar esse lado cultural que os mercados têm, é como voltar ao tempo dos meus avôs que levavam seus filhos e netos para passar uma tarde nesses ambientes”, salientou.

A universitária Laura Ferreira, 26 anos, que estava comemorando seu aniversário nos relatou que escolheu o local porque é super bacana, além de ser um local estratégico para reunir seus amigos já que fica no centro da cidade do Recife. “Há pouco mais de um ano voltei a frequentar o Mercado, aqui a gente tem um ambiente agradável, onde posso conversar bem à vontade com meus amigos e sem falar que é um local de boa acessibilidade para nós,” declarou à universitária.

Se você ainda não conhece, não perca essa oportunidade.

Fotos Mercado da Boa Vista
(Clique na imagem para ampliar)




























Saiba como chegar:



Exibir mapa ampliado

Texto: Thiago Carvalho
Fotos: Carlos Melo

comentários (1) / Leia Mais